Lipoaspiração / Vibrolipossucção / Lipoescultura

Lipoaspiração

A lipoaspiração é método tradicional na cirurgia plástica para o tratamento das gorduras localizadas.

Estas gorduras podem estar no abdômen, na lateral do abdômen, na parte posterior da cintura, nas costas, nos braços, na parte lateral ou medial das coxas, na parte acima dos joelhos, no púbis, na região à frente das axilas ou embaixo das axilas. O tratamento com a lipoaspiração é efetivo.

A lipoaspiração é feita mediante a introdução de uma cânula especial conectada num aparelho de vácuo, através de movimentos de vai vem nessa cânula realizados pelo braço do cirurgião ou por aparelhos específicos para isso, que é nossa preferência, esse movimento em atrito com a gordura permite que esta vá sendo removida gradualmente.

O paciente usará no pós-operatório cintas especiais que manterão compressão suave em todas as áreas aspiradas para permitir a cicatrização sem formação de seromas, que são líquidos contém plasma e também a solução injetada para fazer o procedimento.

O resultado começa a aparecer após dois meses e o paciente deve evitar o sol nesse período.

É de extrema importância a hidratação adequada no pré-operatório, durante a cirurgia e no pós operatório, para manter uma boa hemodiluição e diminuir assim a adesividade plaquetária, reduzindo o risco de trombose e embolia pulmonar.

Vibrolipoaspiração

A vibrolipoaspiração foi uma grande evolução na lipoaspiração. 

A cânula de aspiração é conectada a um pequeno aparelho que, mediante ar comprimido, moverá a cânula para frente e para trás numa excursão de 6 a 9 mm, 600 vezes por minuto, provocando a floculação da gordura a ser aspirada. Isto permite maior precisão, menos ondulações, menor perda sanguínea e assim as quantidades retiradas são aparentemente maiores do que as realizadas com outras técnicas. A dor pós-operatória também parece ser menor.

Lipoescultura

A gordura removida pode ser injetada em outras regiões. Este processo é chamado de lipoescultura. Uma das áreas mais procuradas para injeção de gordura são as nádegas e acima dos “culotes”.

Outra área que vem aumentando a indicação para o enxerto de gordura é a mama.

A gordura é preparada por decantação ou centrifugação para que o óleo, plasma e sangue possam ser separados da gordura. Isto permite maior integração, ou seja, menor absorção.